7 métricas essenciais para o seu e-commerce e como extraí-las do Google Analytics

Se você é um empreendedor que utiliza a internet para se comunicar com os clientes ou possui um próprio e-commerce, precisa fazer boas análises para que dessa forma, seja possível descobrir se você está montando as estratégias certas.

Para que você cresça cada vez mais, nós vamos um pouco mais sobre o Google Analytics: uma ferramenta indispensável para o seu e-commerce.

Quer saber mais? Então continue a leitura.

O que é Google Analytics?

O Google Analytics é uma ferramenta de monitoramento de marketing digital do Google.

Através dela, você consegue entender um pouco mais sobre o comportamento do consumidor no seu site.

Ao utilizar o Analytics, você consegue descobrir:

  1. Descobrir os canais de venda do seu negócio que mais geram conversão
  2. Analisar a velocidade do carregamento das páginas internas
  3. Descobrir quanto tempo (em média) cada usuário passa no site
  4. Conhecer o perfil do público-alvo

Além de disponibilizar análises de tráfegos super completas, a ferramenta te ajuda a tomar decisões mais eficazes, tanto de marketing quanto de vendas.

Principais métricas do Google Analytics – Como e por que utilizá-las?

Você já sabe que essa ferramenta oferece vários recursos para que seja possível analisar o desempenho de todos os canais de comunicação da sua empresa.

O melhor de tudo, é que os dados podem ser analisados e associados a métricas que geram ideias inteligentes de negócios que serão muito eficientes na hora em que você for tomar decisões relacionadas ao futuro da sua empresa.

E é por isso que vamos falar sobre as principais métricas e porque você deve utilizá-las com frequência.

1. Conversão

Uma conversão ocorre quando um usuário realiza uma ação desejada no seu e-commerce, como por exemplo:

• Compra de um produto

• Download de um eBook

• Compartilhamento de dados de contato e informações profissionais

Para começar a trabalhar com conversões, você deve em primeiro lugar, definir objetivos concretos de marketing e jornada do cliente dentro do seu site de e-commerce.

Com o Google Analytics, você consegue mensurar os resultados e saber quais das suas campanhas de marketing estão realmente engajando o público e fazendo com que simples visitantes se transformem em clientes.

Os recursos da ferramenta podem te ajudar a extrair as principais informações referentes ao comportamento do seu público-alvo e as preferências dele.

O Google Analytics calcula a taxa de conversão da seguinte forma:

O número de conversões é dividido pelo número de interações com um anúncio em que é possível acompanhar para uma conversão durante um período.

Por exemplo, se tiver 20 conversões em 200 interações, a sua taxa de conversão é de 10%, pois 20 ÷ 200 = 10%.

Se você configurar corretamente o Google Analytics para ‘’e-commerce’’, logo na primeira página, vai ter acesso as taxas de conversão.

2. Páginas mais visitadas

Com certeza, no seu site do seu e-commerce, há páginas que recebem mais visitas do que outras.

Além disso, é bem provável que alguns de seus canais nas redes sociais, também fazem mais sucesso e atraiam a maior parte do seu público-alvo.

Mas por que é tão importante saber quais as páginas mais acessadas?

Primeiramente, porque através dessa análise você consegue entender qual página indexou melhor e qual está recebendo links de outros sites.

Dessa forma, você pode tomar algumas medidas mais eficientes.

Não se esqueça de otimizar as páginas que recebem um grande número de visitas, para que elas possam gerar ainda mais conversão.

Em relação as páginas que recebem menos visitas, é importante fazer uma análise para descobrir o motivo pelo qual elas não estão recebendo clientes.

As páginas de conteúdo, por exemplo, podem ser otimizadas através de palavras-chave. Dessa forma, você consegue atrair visitantes de forma orgânica.

Você pode ter acesso a esses dados da seguinte forma:

• Vá em conteúdo do site

• Clique em todas as páginas

3. Velocidade do site

Você sabe se o seu site é lento?

Caso a resposta seja sim, infelizmente, é bem provável que você esteja deixando de realizar vendas. Além disso, a velocidade do site é um fator de ranqueamento de SEO.

É isso mesmo: o Google penaliza as páginas lentas, já que a experiência do usuário fica comprometida.

Por isso, esse teste precisa ser feito o quanto antes.

Você pode fazer um diagnóstico mais completo no gmetrix.com (vamos falar mais sobre isso em outros artigos).

Por ora, você pode fazer um teste na área de velocidade do site.

Você pode aumentar a velocidade do seu site da seguinte forma:

• Acesse a aba comportamento

• Clique em sugestões de velocidade

4. Idade do público x qual faturamento cada faixa etária traz

Você pode ter visitantes de várias idades.

Contudo, com certeza o seu e-commerce recebe mais visitas de uma determinada faixa etária.

A faixa etária que te traz mais faturamento é a que você focar mais. Ou seja, as suas campanhas de marketing devem ser direcionadas a esse público em específico.

Depois que tiver acesso a esses dados, verifique se as suas estratégias estão de acordo com a preferência da persona.

Só um detalhe: não esqueça dos visitantes de outras faixas etárias.

Você pode saber a faixa etária da maioria dos seus visitantes da seguinte forma:

• Acesse a aba público-alvo

• Clique em Informações Demográficas

5. Localização

Se você tem um e-commerce, você pode vender para pessoas do Brasil inteiro, não é mesmo?

Essa é a vantagem de trabalhar pela internet.

Mas de onde será que vem a maior parte do seu público? Por que é importante ter acesso a essa informação?

Ao saber de qual lugar você recebe mais visitantes, fica mais fácil direcionar suas campanhas de anúncios pagos para esse público.

Por exemplo, se a maioria dos seus clientes vem do nordeste, você pode escolher que a campanha seja direciona para o público-alvo que mora nessa região.

Para saber de onde vem os seus visitantes, você deve:

• Clicar em público-alvo

• Geográfico

• Local

6. Dispositivos de acesso

Essa é uma informação simples e fácil de descobrir. Ainda bem, pois estamos falando de algo muito importante.

Será que a maior parte dos clientes do seu e-commerce, acessa o site através do computador ou do celular?

O ideal é que o seu site seja sempre responsivo (adaptado para dispositivos móveis). Porém, se a maior parte dos visitantes acessa o site pelo celular, deixar a página do seu e-commerce mais responsiva é basicamente uma questão de sobrevivência.

Você pode descobrir essa informação da seguinte forma:

• Clique em público-alvo

• Clique em dispositivos móveis

• Clique em visão geral/dispositivos

7. Faturamento por tráfego orgânico x social media x tráfego pago

Seus usuários estão aumentando? Parabéns! Mas para você continuar no caminho certo, é necessário descobrir de onde eles estão vindo.

Será que as suas campanhas de tráfego pago (links patrocinados) que estão trazendo resultados? Ou são as redes sociais? Pode ser também o marketing de conteúdo, uma estratégia para atrair visitantes de forma orgânica.

A origem do tráfego mostra de onde o público-alvo está vindo: redes sociais, pesquisas no Google, clique em anúncios, etc.

Você pode ter acesso à essa informação da seguinte forma:

• Clique em aquisição

• Clique em todo tráfego

• Clique em canais

Imagem padrão
duraesjr@gmail.com
Artigos: 5

Deixar uma resposta

Address
304 North Cardinal St.
Dorchester Center, MA 02124

Work Hours
Monday to Friday: 7AM - 7PM
Weekend: 10AM - 5PM